Lucro Real: vantagens e desvantagens

Informalidade : Como sair dela?
Informalidade : Como sair dela?
18 de agosto de 2018
digitalização
Digitalização de Documentos
24 de agosto de 2018
lucro-real

lucro-real

O que é Lucro Real?

O regime tributário Lucro Real é baseado no faturamento mensal ou trimestral da empresa e tem incidência pelo seu lucro verdadeiro, ou seja, não existe a hipótese de ter pagamento maior ou menor que o devido.

Sobre o Lucro Real existem dois tipos de impostos: Contribuição Social sobre o Lucro Líquido, que pode variar entre 9% e 12%, e o Imposto de Renda Pessoa Jurídica, com 15% mais taxa adicional.

Para apuração do Lucro Real deve ser utilizada uma fórmula muito simples:

Ajustes Fiscais PositivosAjustes Ficais Negativos = Lucro Real ou Prejuízo no exercício.

Ao escolher o Lucro Real, o empresário precisa estar bem entendido sobre o assunto, pois terá que assumir obrigatoriamente uma escrituração comercial e fiscal rigorosa.

É muito importante antes de optar por este regime verificar se ao longo do ano seu Lucro Real teve algum tipo de variação, caso isto aconteça, a empresa poderá ser prejudicada pagando mais impostos.

O Lucro Real vale a pena?

Agora vamos ver quais são as vantagens e desvantagens que este regime de tributação por oferece ao empresário.

Vantagens:

  • Ao contrário do Lucro Presumido, o empresário terá tributação sobre seus resultados, e não por uma base de seu faturamento. Este regime é teoricamente mais justo, pois a base para tributação é seu faturamento e não uma presunção.
  • Optando pelo Lucro Real o empresário terá inúmeras possibilidades para fazer um planejamento tributário.
  • Você poderá aproveitar os créditos do PIS e COFINS. As empresas com menor comercialização têm um aproveitamento melhor.
  • Existe possibilidade de corrigir prejuízos fiscais em exercícios atuais ou anteriores.
  • Como a apuração é feita trimestral ou anualmente, a empresa ganha uma grande vantagem, já que o controle contábil será feito através de balancetes mensais, transparecendo melhor a realidade financeira do negócio.
  • Há a possibilidade da empresa cancelar ou diminuir o IRPJ e CSLL sempre que demonstrar lucro menor do que foi previsto.

Desvantagens:

  • Você precisará efetuar um controle burocrático maior, necessitando um controle fiscal e contábil diferenciado. Isso irá gerar custos como aumentar o quadro de funcionários ou um valor excedente na contabilidade.
  • As alíquotas do PIS e COFINS costumam ser mais altas, assim empresas de serviços são as mais afetadas, pois possuem pouco crédito nestas contribuições.
  • O envio das obrigações acessórias fica mais complexo e exigem o máximo de cuidado possível.
  • Para uma empresa com a folha de pagamento muito baixa acaba se tornando uma desvantagem optar pelo Lucro Real, sendo mais coerente optar por outros modelos, como o Lucro Presumido.

Para avaliar a existência de vantagens na opção do Lucro Real em sua empresa sempre será necessário efetuar todos os cálculos e analisar a rotina do negócio com precisão.

Neste momento consultar um bom contador fará toda a diferença. Saiba mais sobre os nossos serviços.

 

Os comentários estão encerrados.