digitalização
Digitalização de Documentos
24 de agosto de 2018
vender mais
Comércio, como aproveitar as datas comemorativas e vender mais
30 de agosto de 2018
foodtrucks

foodtrucks

Nos últimos anos, os FoodTrucks foram a escolhas de novos empreendedores para investimento. Leia mais sobre essa nova tendência de empreendedorismo.

Os Food Trucks surgiram para atender a demanda que necessitava de um almoço rápido e fora de um restaurante na vida dos americanos, sem ser fast-food.

Logo, chegou ao Brasil como um novo modo de expor uma comida gourmet sem um local, o intuito é exatamente esse, um restaurante sobre as rodas, uma característica muito importante na hora de diferenciar os Food Trucks dos carrinhos de lanche comuns espalhados pelas cidades, principalmente no centro.

Os caminhões-restaurantes estilizados  chegaram no Brasil em 2014, na cidade de São Paulo. A moda foi estimulada após uma lei da prefeitura da cidade que entrou em vigor naquele mesmo ano em relação a venda de comida na rua. Hoje, na capital, são mais de 300 Food Trucks espalhados pela cidade.

Esses restaurantes sobre rodas servem os mais variados tipos de comidas, podem sim, servir os típicos cachorros-quente e  pizza, como também comida japonesa, chinesa, mexicana e até mesmo especializados em bebidas, como milkshakes e cervejas atersanais, e tudo isso é refletido no design interior de seus caminhões para que seja atrativo aos olhos do público-alvo e fácil reconhecimento, já que muitos deles não se estabelecem somente em único local da cidade.

Dicas para quem quer empreender com Food Trucks

Caso você queira e enxergue uma boa possibilidade de investir em um food truck, se atente nessas dicas

  1. Informe-se sobre as legislações municipais.

É interessante que haja conhecimento das leis municipais, pois nem todo município tem um sindicato de Food Trucks  e nem todo estado ainda está de acordo com o funcionamento desse tipo de mercado.

  1. Plano de Negócios

Para todo negócio, a principal palavra antes de abrir é: planejamento. Com os Food Trucks não se segue um caminho diferente. Há necessidade de um plano de negócios para melhor atender a demanda e saber ofertar o que tem parar oferecer.

  1. Cardápio

 É necessário que você tenha um seguimento de comida, e esse esteja de acordo com todo o cardápio que você tem para oferecer. Misturar as gastronomias não é uma boa pedida, de preferência tenha algo conciso e coloque isso no cardápio de forma organizada.

4. É um negócio, não um hobby

É necessário que as pessoas vejam isso como um mercado, como algo profissional e maduro. As pessoas que estão ali servindo não estão apenas passando o tempo, mas sim oferecendo com o amor, o melhor da comida que eles tem para oferecer.

  1. Dedicação Total

Assim como qualquer outro negócio que você pretende empreender, é necessário uma dedicação ainda maior e se sacrificar muito mais. Ter em mente que será necessário abrir mão de férias, 13° e todos aqueles benefícios que estamos acostumados na CLT.

  1. Faça um curso de Mecânica Automotiva

Curso de Mecânica? Sim, isso mesmo. Afinal, se seu restaurante parar no meio do caminho ou simplesmente não conseguir mais sair do lugar, saiba como se virar para arrumar e até mesmo cuidar dele para prevenir futuros problemas.

Com todo incentivo a esse novo empreendimento, outro setor foi afetado de modo positivo com tudo isso, as firmas automotivas que adéquam modelos para fins das necessidades dos clientes, essas firmas pegam um modelo de carro, fazem instalações, como de, fogões e geladeiras, e modificam para criação de todo ambiente de restaurante conforme o pedido do cliente.

Em média, são entregues 8 unidades modificadas por mês, ou seja pelo menos oito Food Trucks  vão para a rua por mês, e esse números tendem a crescer ainda mais durante esse próximos cinco anos.

Os comentários estão encerrados.